Cobertura Eventos Resenhas Shows

Show da Sandy em BH é marcado por muita emoção e nostalgia

No último dia 05, tive a oportunidade de ver de perto a cantora que eu mais admirei na infância. Sandy Leah Lima, ou somente Sandy, nos mostrou que seu projeto solo é maravilhoso, mas ainda assim conseguiu nos transportar pra momentos nostálgicos da década de 90. Um exemplo disso aconteceu quando a musa cantou “As quatro estações” e fez todo o KM cantar junto!

 

A cantora abriu a noite com o single “Respirar”, faixa do projeto “Meu Canto”. Um dos seus grandes sucessos com carreira solo também esteve presente no setlist. “Pés cansados” foi a terceira música a ser apresentada. O público também não decepcionou e acompanhou grande parte do repertório.

Foto: Daniel Stone

Um telão no palco da cantora também permitia a participação dos artistas nas músicas feitas no projeto “Nós, voz, eles”. Pudemos conferir então as vozes de Anavitória, em “Pra me refazer”, Thiaguinho, “Um dia bom, um dia besta”, Tiago Iorc em “Me espera” e Maria Gadu, parceria em que Sandy destaca o Jazz como sua principal influência em “No Escuro”. A única exceção ficou por conta da música “areia”, com a presença do marido Lucas Lima e de declarações apaixonadas entre os dois <3 muito fofos!

Foto: Daniel Stone

 

Esbanjando simpatia e humildade, a artista mostrou ao público ser um exemplo de carisma e alegria. Sandy convidou também um fã (sortudo) pra estar com ela no palco e cantar um pouquinho de “Tempo” e foi super atenciosa!

 

O público mineiro puxou sucessos da dupla feita com seu irmão, como “Quando você passa” e “Inesquecível” e a cantora acompanhou pra felicidade geral do público. Além disso, fomos presenteados com “Eu acho que pirei”, diretamente de 1998 trazendo ainda mais nostalgia pra gente. Maravilhosa demais! <3
Se você ainda não teve oportunidade de ver a cantora ao vivo, não sabe o que está perdendo. Sandy reúne muito encanto e talento em suas apresentações. Dona de uma voz doce e muito marcante, a paulista merece todo o sucesso que já faz há mais de 20 anos. Vamos aguardar ansiosos por mais apresentações na nossa querida Belo Horizonte <3

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Agradecimento especial ao meu querido Daniel Stone, que cedeu as fotos pra abrilhantar ainda mais nosso site! hahahaha

Deixe o seu comentário

Júlia Martins
Júlia Martins
Belorizontina, atleticana e Relações Públicas. Embora pareça rockeira e gótica trevosa, é adepta de variados estilos musicais e não confia em quem não sofre ouvindo Belo e nem em quem não dança quando toca É o Tchan. Está acompanhando a evolução da internet desde a época do ICQ, do qual morre de saudades. Facilmente encontrada cantando Anitta ou sucessos antigos nos karaokês da cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *