Culturaliza

Cinéfilos contam com ajuda de sites de apostas para palpitar sobre os vencedores do Oscar

Para muita gente, fevereiro é sinônimo principalmente de Carnaval. Mas pergunte a qualquer cinéfilo pelo que ele mais espera nessa época do ano e a resposta vai ser uma só: a cerimônia do Oscar! Dessa forma, muitos fazem de janeiro uma verdadeira corrida contra o tempo para ver pelo menos alguns dos filmes mais cotados às principais categorias da premiação, que, em 2020, vai acontecer mais cedo, no dia 9 de fevereiro.

Fonte: Pixabay

Parte desse frenesi vem, é claro, da pura paixão pelo cinema, mas aquela vontade de mostrar para os amigos que está por dentro das tendências também não deixa de existir. Quando esse tipo de desejo de ser admirado entra em cena, é quase irresistível a vontade de dar palpites sobre quais serão, provavelmente, os escolhidos pela Academia.

Esse desejo de opinar, por sua vez, nos remete à tradicional prática dos bolões. Na Mega Sena, como sabemos, isso sempre é notícia, conforme demonstra matéria publicada em maio no portal Estado de Minas. Nessa ocasião, a premiação chegou a R$ 275 milhões, algo atípico para essa época do ano.

Ao se juntar pra fazer apostas lotéricas, os jogadores têm como objetivo dividir o prêmio igualmente entre si caso consigam acertar os números premiados. Já um bolão do Oscar, por exemplo, funciona mais como um bolão da Copa do Mundo: muita gente coloca dinheiro, mas cada um dá os seus próprios palpites. Com isso, no fim das contas a bolada vai para aquele que acertou mais.

Para ajudar a deixar essa modalidade ainda mais sofisticada, um elemento vem se fazendo cada vez mais presente por aqui nos últimos tempos: as casas de apostas de online. Muitas pessoas pensam que nessas plataformas é apenas possível fazer apostas esportivas e jogar, entre outros, pôquer, roleta e blackjack. Na Betfair – um dos sites do segmento –, no entanto, também são oferecidas apostas especiais, que cobrem, por exemplo, eventos como eleições presidenciais e premiações.

Nesse sentido, o Oscar, sendo a mais importante das premiações no âmbito do cinema, não poderia ficar de fora. Das suas 24 categorias, geralmente é possível verificar com antecedência os prognósticos a respeito de pelo menos três: Melhor Filme, Melhor Ator e Melhor Atriz. Assim, antes de fazer a sua escolha entre Joaquin Phoenix e Robert De Niro ou entre Renée Zellweger e Charlize Theron, vale a penar dar uma conferida nas cotações disponíveis para cada um desses nomes.

JOKER – 11.5 x17 Original Promo Movie P” (Public Domain) by slayloezriadhv

Você pode até achar que entende mais de cinema do que todo mundo, mas, para ganhar um bolão do Oscar, não basta apenas ser um bom entendido da Sétima Arte: é preciso também compreender quais são as motivações por trás das escolhas da Academia, que são, no fim das contas, o que verdadeiramente define quem serão os premiados da noite. Muitas vezes, o vencedor em determinada categoria não é necessariamente aquele que tem maiores méritos artísticos. E esse é um ponto sobre o qual os prognosticadores profissionais entendem como poucos.

Deixe o seu comentário

Felipe de Jesus - Siga: @felipe_jesusjornalista
Editor & Administrador do CulturalizaBH - Portal UAI [ Apoio no setor Administrativo e Financeiro ] - Jornalista - Redator & Colunista: Crítica Musical. Filiado: FENAJ & FIJ | AIN | SINAJ | Abramídia | UBI _________________________________________________________________________ ■ Publicidade & Divulgação de Notícias MKT - Diretor [ Grupo Conteúdo (GC) ] _________________________________________________________________________ ■ Advocacia: Gestor Adv. - [ FJB Advocacia - Assistência Jurídica & Empresarial ] - "Associação dos Advogados Empreendedores - (AAE/OAB)". ________________________________________________________________________ ■ Graduado: Apaixonado pela área acadêmica, Felipe de Jesus é formado em Jornalismo pela (Faculdade - FESBH), Publicidade & Propaganda (Instituto Politécnico de São Paulo), Teólogo (Faculdade ESABI/BH-MG), Sociologia (Faculdade Polis das Artes/SP), Economia (Universidade USIP), Direito/Advocacia (FACSAL/MG) , Ms. em Comunicação Social: Jornalismo e C.Informação (Univ. UEMC) e atualmente cursa Engenharia de Telecom. & TV (F.Matric/EAD)