Colunas Crítica Musical Culturaliza Destaque

Crítica Musical: Chico Buarque – ‘O Sambista’ mostra toda a força poética do artista

Clique aqui e assista todos os vídeos da ‘Crítica Musical’:

 

[ Jornalista e Editor ]
– Felipe de Jesus
– Imagem: Chico Buarque
– Siga: @felipe_jesusjornalista

 

Conseguir reunir em um só álbum todas as melhores músicas de “Chico Buarque” é uma tarefa difícil, mas eis que foi possível através da coletânea “O Sambista (2000)”. O CD que traz sambas do cantor, incluindo canções que ele fez ao retornar do exílio na Itália, no ano de 1970, é um belo registro da sua excelente colaboração a Música Popular Brasileira (MPB).

 

Para começar com o pé direito “O Sambista (2000)”, trago a marcante “Apesar de você”. A música que tem na letra uma pesada crítica, mostra uma indignação clara do cantor. “(…) Hoje você é quem manda/Falou, tá falado/Não tem discussão, não (…)”. Em consequência, o governo mandou recolher os discos, mas não adiantou nada, pois ele já havia vendido 100 mil cópias.

 

Seguindo, quase que a mesma ideia, temos “Meu Caro Amigo”, do ano de 1976. Feita por Chico e Francis Hime, a canção é um recado a um grande amigo Augusto Boal “(…) Aqui na terra tão jogando futebol/Tem muito samba, muito choro e rock’n’roll/Uns dias chove, noutros dias bate sol/Mas o que eu quero é lhe dizer que a coisa aqui tá preta /(…)”.

 

■ Diretas-Já

 

Já nos anos de 1980, mais precisamente em 1984, temos a incrível “Vai Passar”, um samba de qualidade em parceria, mais uma vez, com Francis Hime. Nessa ele comemora a “Diretas-Já”: “Vai passar/Pela avenida o samba popular (…)/Ai que vida boa olerê, ai que vida boa olará (…)”. Demais!

 

■ Faixas:

 

01 – Feijoada Completa ( Chico de 1978)

02 – Acorda Amor (Sinal Fechado – 1974)

03 – Samba de Orly (Construção – 1971)

04 – O Meu Guri (Almanaque – 1981)

05 – Samba do Grande Amor (Chico 1984)

06 – Homenagem ao Malandro (Chico 1978)

07 – Meu Caro Amigo (Meus Caros amigos 1976)

08 – Cotidiano (Construção- 1971)

09 – Pelas Tabelas (Chico Buarque 1984)

10 – Desalento (Chico Construção 1971)

11 – Deixe A Menina (Vida 1980)

12 – Almanaque (Almanaque 1981)

13 – Apesar de Você (Chico 1978)

14 – Vai Passar (Chico 1984)

 

■ AVALIAÇÃO FINAL:

 

Em minha opinião, se tratando de Chico Buarque, uma obra que vale a pena escutar, já que reúne em um só trabalho, todas as suas melhores canções no samba.

 

Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista e fique por dentro das novidades.

 

■ Ficha Técnica:

 

•Crítica Musical: (Roteiro e Vídeo):
– Felipe de Jesus & Roberto Silva

•Apresentação e edição:
– Felipe de Jesus

 

■ Apoio na direção:

 

– Roberto Silva (TV Norte Web)

 

■ Imagens do vídeo: Chico Buarque, Augusto Boal, Francis Hime, Milton Nascimento, Djavan e Gilberto Gil

 

@Todos os Direitos Reservados
– Felipe de Jesus | Crítica Musical

Deixe o seu comentário

Felipe de Jesus - Siga: @felipe_jesusjornalista
Editor & Administrador do CulturalizaBH - Portal UAI [ Apoio no setor Administrativo e Financeiro ] - Jornalista - Redator & Colunista: Crítica Musical. Filiado: FENAJ & FIJ | AIN | SINAJ | Abramídia | UBI _________________________________________________________________________ ■ Publicidade & Divulgação de Notícias MKT - Diretor [ Grupo Conteúdo (GC) ] _________________________________________________________________________ ■ Advocacia: Gestor Adv. - [ FJB Advocacia - Assistência Jurídica & Empresarial ] - "Associação dos Advogados Empreendedores - (AAE/OAB)". ________________________________________________________________________ ■ Graduado: Apaixonado pela área acadêmica, Felipe de Jesus é formado em Jornalismo pela (Faculdade - FESBH), Publicidade & Propaganda (Instituto Politécnico de São Paulo), Teólogo (Faculdade ESABI/BH-MG), Sociologia (Faculdade Polis das Artes/SP), Economia (Universidade USIP), Direito/Advocacia (FACSAL/MG) , Ms. em Comunicação Social: Jornalismo e C.Informação (Univ. UEMC) e atualmente cursa Engenharia de Telecom. & TV (F.Matric/EAD)