Culturaliza Destaque

Projeto Música nas Escolas lança canal no YouTube e perfil no Instagram

Participantes do projeto Música nas Escolas – Foto: Thiago Fernandes.

 

Em sua 15ª edição, iniciativa que já atendeu cerca de 1000 alunos e realizou mais de 350 apresentações, chega nas plataformas digitais se conectando ainda mais com o público jovem de Minas Gerais

 

Para alcançar mais pessoas e difundir a cultura, o Projeto Música nas Escolas, que tem como foco investir na formação musical de crianças e adolescentes das escolas públicas da Região Metropolitana de Belo Horizonte, acaba de lançar o seu canal no YouTube e perfil no Instagram. Com essas duas novas plataformas digitais, a iniciativa se torna cada vez mais presente no mundo digital.

 

De acordo com José Roberto Lages, um dos coordenadores do projeto, estar cada vez mais próximo do público é uma forma de levar a música a mais jovens. Para ele, um incentivo a mais do projeto que já está há 15 anos levando cultura para quem, às vezes, tem pouco acesso. “A sociedade está cada vez mais antenada e ligada nas mídias sociais, por isso, estar nelas é uma forma de chegar a mais pessoas. São 15 anos de atuação e nos adaptarmos as novas tecnologias é uma maneira de alcançarmos mais pessoas. Ou seja, para divulgarmos a promoção da formação musical, a socialização, o crescimento pessoal e formação profissional de inúmeras crianças e adolescentes, que já estamos fazendo com muita dedicação há tantos anos. Através dos vários exemplos inspiradores que temos, ficamos muito orgulhosos e motivados para trabalhar na continuidade do projeto através, também, da massificação do nosso trabalhado por meio das plataformas digitais”, comenta.

 

Já o outro coordenador do Projeto Música nas Escolas, José Roberto Alvarenga, adiciona que com essas ferramentas digitais à disposição do projeto, é uma forma de reafirmar o compromisso com os jovens e claro, minimizar os riscos sociais através das artes. “Estamos falando do mundo digital, onde praticamente todos os jovens se conectam e hoje discutem temas, compartilham informações e ideias. Por isso, estar mais perto deles através das plataformas digitais, é reafirmar o nosso compromisso de manter as crianças e adolescentes engajados e empenhados em aprender música. Já vemos no dia a dia a evolução dos participantes em diversos aspectos, ou seja, como a disciplina melhora no rendimento escolar, na valorização da educação, da escola e do trabalho em equipe. Prova disso, é que vários integrantes do projeto acabam decidindo seguir a trajetória na área da música e se tornam profissionais atuantes em diversas áreas e eventos”, completa o profissional.

 

 

Sobre o Projeto Música nas Escolas

 

Inspirado no maestro Heitor Villa Lobos, um dos primeiros a introduzir a música nas escolas, o Projeto teve início em 2005, numa iniciativa da Imago Mundi Cultural. O Música nas Escolas incentiva e investe na formação musical de crianças e adolescentes, de escolas públicas, moradores da Região Metropolitana de Belo Horizonte. Por meio de concertos didáticos e cursos de formação musical, eles têm acesso à história de grandes compositores da música erudita e popular, têm aulas de teoria musical, história da música e apreciação musical.

 

O Projeto Música nas Escolas foi idealizado e é produzido pela Imago Mundi Cultural, que tem a frente José Roberto Alvarenga e José Roberto Lages. A Orquestra Jovem Vallourec, a Orquestra Jovem da Escola Estadual Padre João Botelho e a Camerata fazem parte do projeto, que já realizou mais de 350 apresentações para cerca de 100 mil espectadores em eventos culturais, escolas, creches, hospitais, metrôs e praças da capital e do interior de Minas Gerais. Ao ingressarem no projeto, os alunos participam de aulas diárias e gratuitas de instrumentos musicais à sua escolha, como: violino, viola, violoncelo, contrabaixo, flauta transversal e doce, trompete, fagote, oboé e percussão. As aulas são ministradas por 15 professores contratados da Orquestra Sinfônica de Minas Gerais e Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, que os aproximam do universo da música erudita e popular.

 

Depois de anos estudando e respirando música, muitos jovens continuam no projeto aperfeiçoando-se e atuando como multiplicadores do conhecimento adquirido. A qualidade do planejamento pedagógico e da formação musical também favorece a atuação de vários integrantes das orquestras em grupos profissionais, fora do âmbito do projeto, propiciando a geração de emprego e renda para os jovens músicos, assim como o ingresso de vários deles em conceituadas universidades.

 

A 15ª edição do Projeto Música nas Escolas é patrocinada pela Vallourec através das Leis Estadual e Federal de Incentivo à Cultura.

 

Serviço

 

Projeto Música nas Escolas – 15ª edição

Canal no YouTube: https://www.youtube.com/channel/UC93o-YLtsz8Ml6T4qAI57Aw

Instagram: https://www.instagram.com/projetomusicanasescolasmg/

Deixe o seu comentário

Felipe de Jesus - Siga: @felipe_jesusjornalista
Editor & Administrador do CulturalizaBH - Portal UAI [ Apoio no setor Administrativo e Financeiro ] - Jornalista - Redator & Colunista: Crítica Musical. Filiado: FENAJ & FIJ | AIN | SINAJ | Abramídia | UBI _________________________________________________________________________ ■ Publicidade & Divulgação de Notícias MKT - Diretor [ Grupo Conteúdo (GC) ] _________________________________________________________________________ ■ Advocacia: Gestor Adv. - [ FJB Advocacia - Assistência Jurídica & Empresarial ] - "Associação dos Advogados Empreendedores - (AAE/OAB)". ________________________________________________________________________ ■ Graduado: Apaixonado pela área acadêmica, Felipe de Jesus é formado em Jornalismo pela (Faculdade - FESBH), Publicidade & Propaganda (Instituto Politécnico de São Paulo), Teólogo (Faculdade ESABI/BH-MG), Sociologia (Faculdade Polis das Artes/SP), Economia (Universidade USIP), Direito/Advocacia (FACSAL/MG) , Ms. em Comunicação Social: Jornalismo e C.Informação (Univ. UEMC) e atualmente cursa Engenharia de Telecom. & TV (F.Matric/EAD)