Destaque Música Resenhas Shows

Criolo faz show com discurso firme e com muita animação em BH

No sábado (09/11), Belo Horizonte recebeu um dos maiores rappers e artistas brasileiros, o Criolo que se apresentou no KM de Vantagens Hall para um público não muito grande e que deu conta de animar e muito o cantor que declarou o quanto ama a capital mineira e as pessoas que vivem aqui. Em diversos momentos ele repetiu a frase “Em um lugar para 8 mil pessoas, tem 4 mil pessoas, mas parece que tem 100 mil”. 

 

Antes de Criolo e toda sua banda subir ao palco, um grupo de rap de BH chamado Fenda fez um show incrível de abertura que, com certeza, contribuiu e muito para a empolgação vista durante as próximas horas. O grupo é todo formado por mulheres e foi criado para esse show que contou com a participação da rapper e inspiração Tamara Franklin. Vida longa ao Fenda. Quero ver essas meninas longe ainda… Vida longa ao rap de BH. 

 

Grupo Fenda se apresentando | Foto: Charles Douglas

 

Tamara Franklin foi convidada do show | Foto: Charles Douglas

 

O rapper paulistano começou o show com “Boca de Lobo” que é a música carro-chefe da turnê e que conta com um clipe incrível e cinematográfico que é de fato, um dos melhores de sua carreira. O show foi todo dedicado ao rap, após uma pausa do estilo, já que ele estava se dedicando a um outro lado muito legal de sua carreira: um álbum completo de samba chamado “Espiral de Ilusão”. 

 

 

Criolo já se apresentando | Foto: Charles Douglas

 

 

Com uma apresentação extremamente política, a frase “A história está sendo escrita” foi repetida por diversas vezes pelo artista que foi recebida em um tom positivo por seu público que aguardava ansiosamente as próximas músicas. Frases como “ele não” contra o presidente Jair Bolsonaro e sua equipe também foram ditas durante o show, deixando claro o motivo pelo qual Criolo sentiu a necessidade de voltar para o rap. 

 

 

Criolo fazendo o ‘L” de Lula Livre | Foto: Charles Douglas

 

 

Sem dúvida, os momentos mais marcantes do show foram com as músicas: “Boca de Lobo“, “Duas de Cinco”, “Subirusdoistiozin“, “Não Existe Amor em SP”, “Convoque seu Buda”, o samba “Menino Mimado” e o pop eletrônico dedicado à comunidade LGBT, Etérea”. A primeira (Boca de Lobo) e a última citada aqui (Etérea) concorrem ao Grammy Latino 2019 nas categorias “Melhor Vídeo Musical Curto” e “Melhor Canção em Português” respectivamente.  Um destaque também à banda é incrível e fez bases maravilhosas para cada música, sem contar com a animação de todos os integrantes. 

 

 

Criolo e banda agradecendo | Foto: Charles Douglas

 

 

O show de Criolo é daqueles que saímos renovados e mais fortes para seguir as dificuldades da vida e ainda mais animado em ser uma pessoa melhor e lutar por direitos iguais. Sua presença de palco é algo inexplicável. Só quem já o viu ao vivo vai me entender. Quem ainda não viu, veja assim que tiver uma oportunidade. 

Deixe o seu comentário

Charles Douglas
Charles Douglas
Virginiano, metropolitano de Ibirité, mas com a vida construída em BH, jornalista recém formado e apaixonado pelos rolês culturais da capital mineira. Está perdido no mundo da internet desde quando as comunidades do Orkut eram o Culturaliza de hoje. Quando não está com a catuaba nas mãos, pelas ruas de Belo Horizonte, está assistindo SBT ou desenhos no Netflix.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *