Destaque Gratuito ou a baixo custo

5 festas juninas gratuitas ou a baixo custo em BH neste final de semana (17 a 19/06)

Tá todo mundo com vontade de curtir uma boa Festa Junina, né?! Por isso, eu separei CINCO gratuitas ou a baixo custo que rolam em BH neste sábado e domingo (18 e 19/06)

Arraial do CCBB 

Tá rolando no Centro Cultural Banco do Brasil até domingo com atividades para crianças e adultos, com muitas brincadeiras, shows e barraquinhas da Feira Mostrô. No final de semana a festa começa às 11h e vai até, mais ou menos, 19h30. A entrada é gratuita

 

Jurina no Juramento 

O Bar Juramento 202 da Cervejaria Viela, que fica no bairro Pompéia, também está realizando neste final de semana a sua tradicional “Jurina”. O evento está cheio de atrações na rua, como performances, moda de viola e muito mais. Também é gratuito

 

 

 

Festona Junina 

O bar Zona realiza uma festa junina embaixo do Viaduto Santa Tereza neste sábado, a partir das 16h! Serão 10 horas de festa, com 10 Djs, barraquinhas com comidas e brincadeiras juninas. O evento é gratuito, mas é necessário a retirada de ingressos pela Sympla. Clique aqui para retirar.

 

 

Arraiá do Yanã 

O Espaço Yanã, no Prado, realiza neste sábado, a partir das 15h, a sua festa junina que vai contar com muita comidas e bebidas típicas, brincadeiras e a apresentação do Forró Céu de Crioula e som do DJ Pedro&Bino. A entrada está R$20. Clique aqui para comprar. 

Arraiá do Santa Tereza

Neste sábado, a partir de 12h, e domingo, a partir de 11h, rola lá no Mercado Distrital do Santa Tereza uma festa junina bem completa, com comidas e bebidas típicas e várias atrações culturais: Forró Suvaco Cheiroso, Beto Trem Chic, Quadrilha Pé da Serra, Silvana e a Máquina do Tempo, Quadrilha Forró de Minas. A entrada é gratuita

Deixe o seu comentário

Charles Douglas
Virginiano, metropolitano de Ibirité, mas com a vida construída em BH, jornalista recém formado e apaixonado pelos rolês culturais da capital mineira. Está perdido no mundo da internet desde quando as comunidades do Orkut eram o Culturaliza de hoje. Quando não está com a catuaba nas mãos, pelas ruas de Belo Horizonte, está assistindo SBT ou desenhos no Netflix.