Culturaliza Dicas Teatro

Galpão Cine Horto recebe o espetáculo Quixote

No dia 01 de dezembro, o espetáculo “Quixote” retorna à capital mineira, em apresentação única, para comemorar dez anos da primeira montagem. Uma leitura lúdica do Clássico “Dom Quixote” feita pela Cia.4ComPalito resulta em um espetáculo que alterna momentos cômicos e dramáticos. Um encontro do real com o imaginário que irá acontecer no Galpão Cine Horto.

 

A montagem da peça é inspirada na obra “O Engenhoso Fidalgo Dom Quixote de La Mancha”, de Miguel de Cervantes. O clássico é uma obra atemporal, que aborda questões existencialistas, sob o viés do homem e sua relação com seus sonhos e desejos, perante o mundo em que vive. O que é sonho e o que é realidade? Esse questionamento foi um dos norteadores da construção dramatúrgica realizada pelos atores da Cia. 4comPalito. A transposição da obra literária para a cena teatral foi realizada a partir da escolha de passagens do livro que o grupo considerava terem grande potencial cênico e das improvisações realizadas pelos atores. O processo de pesquisa durou dois anos para fazer a transposição da literatura não dramatúrgica para a linguagem teatral.

 

O Instituto Cervantes BH, órgão oficial do governo da Espanha, é apoiador do espetáculo, pois acredita na importância da obra e da difusão da cultura em massa. “Dom Quixote é um ícone da literatura espanhola no mundo inteiro. É nossa missão propagar essa rica cultura e incentivar as manifestações culturais onde estamos inseridos. Apoiar um espetáculo que interliga um mito espanhol à cultura mineira é uma grande satisfação para nossa instituição”, explica o diretor do Instituto Cervantes BH, Luís Javier Ruiz Sierra.

 

Agende-se:

Quando: 01 de dezembro (sexta-feira)

Horário: 21h

Onde: Galpão Cine Horto | Rua Pitangui, 3613 – Horto

Informações: 3481 5580 | www.galpaocinehorto.com.br

Deixe o seu comentário

Amanda Lins
Amanda Lins
Taurina, atleticana e futura Arquiteta. 24 anos no RG, mas o tamanho é de 15 e o joelho de 85. Amante de comédias românticas e animação, apesar do forte vício em séries CSI (inclusive, aplica técnicas na vida). Não dispensa uma boa conversa numa mesa de bar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *