Analise Brasil Colunas Crítica Musical Destaque Música

A-Ha: “Hunting High and Low” faz 35 anos sendo até hoje uma marca no “Electropop”

Álbum vendeu mais de 10 milhões de cópias no mundo todo; “Take On Me”, “Train of Thought”, “Hunting High and Low”, “The Blue Sky”, “The Sun Always Shines on T.V.”, “Love Is Reason” e “Here I Stand and Face the Rain” são alguns dos hits; banda fará, ainda nesse ano, uma série de shows pelo Brasil para comemorar as três décadas e meia do disco

Coluna: ‘Crítica Musical’
Jornalista | Colunista & Editor
Felipe de Jesus
Siga: @felipe_jesusjornalista

A década de 1980 foi responsável pela mudança sonora e visual de muitos grupos e cantores já consagrados na música mundial. No entanto, foi também o período em que vários grupos surgiram na onda das batidas eletrônicas e guitarras, como, o A-Ha. Formado por Morten Harket (vocalista), Magne Furuholmen (tecladista) e Påul Waaktaar (guitarrista), eles passaram a figurar na MTV e nas rádios exaustivamente, mas, não apenas pela boa aparência, mas por lançarem “Hunting High and Low (1985)”, um dos álbuns mais icônicos da época. Com mais de 10 milhões de cópias vendidas, o trabalho do trio, que fez 35 anos, se tornou uma “mania”, não apenas pelas ótimas composições, mas pelo inovador vídeo de “Take On Me” (uma mistura de animação e cenas reais), que fez o álbum ser o pontapé inicial da fase New Wave.

Trabalho no formato LP Vinyl  – lançado no ano de 1985, vendeu mais de 10 milhões de cópias.

Para abrir, eles trazem “Take On Me”, faixa clássica do “Electropop” da década de 1980. Começa com uma percussão animada, sintetizadores, até que, os quase 20 segundos, entra um dos riffs de teclado mais conhecidos na música mundial. Em seguida, a faixa “Train of Thought”, mantém a linha dançante, algo meio “Depeche Mode” no início de carreira. Em meio a empolgação dançante surge “Hunting High and Low” (sucesso até hoje), oscilando entre os teclados e bateria eletrônica, acompanhada pelos ótimos vocais de Morten. Com “Blue Sky”, os sintetizadores e a bateria eletrônica mostram o que veríamos depois no Pet Shop Boys.

O álbum do A-Ha ‎- “Hunting High And Low (1985)” no formato Cassette.

Em “Living a Boy’s Adventure Tale”, mais uma vez os vocais suaves e os teclados se misturam até chegar na clássica, “The Sun Always Shines on TV”. A faixa é mais melancólica, com teclados imitando piano e em evidência a voz firme de Morten. Com os sons eletrônicos eles continuam em “And You Tell Me”, até chegar em “Love Is Reason”, canção que certamente deu os primeiros passos para o Pop Inglês oitentista que se tornou um furacão.  Para fechar eles trazem, “I Dream Myself Alive” e  “Here I Stand and Face the Rain”.

Avaliação ||

Como falar da minha infância sem citar “Hunting High and Low (1985)”? Na TV, rádio e revistas da época, o que mais víamos e escutávamos era a voz doce e o ritmo dançante do grupo. Uma força sonora que trazia, além de bem estar, uma mudança comportamental e necessária para a época. Dele indico as faixas: “Take On Me”, “Train of Thought”, “Hunting High and Low”, “The Blue Sky”, “The Sun Always Shines on T.V.”, “Love Is Reason” e “Here I Stand and Face the Rain”. Avalio com cinco estrelas (máxima), pois, conseguir se manter na linha Pop 35 anos após seu lançamento não é para qualquer um, e o A-Ha conseguiu isso muito bem com “Hunting High and Low (1985)”.

Para os fãs que acompanham a carreira da banda, uma ótima notícia. Em setembro deste ano, a banda fará uma série de shows pelo Brasil: 08 de Setembro – Curitiba – Teatro Positivo | 11 de Setembro – São Paulo – Espaço das Américas | 13 de Setembro – Rio de Janeiro – Jeunesse Arena | 16 de Setembro – Belo Horizonte – Expominas Arena  e 19 de Setembro – Salvador – Arena Fonte Nova.

Fotos: A-Ha
Até a próxima Crítica Musical.
A coluna é publicada neste espaço toda semana

Se você ainda não ouviu o álbum
“Hunting High and Low (1985)”, confira! 

Deixe o seu comentário

Felipe de Jesus
Felipe de Jesus
- Editor & Administrador (financeiro) do portal do CulturalizaBH/Portal UAI | - Jornalista/Colunista: Crítica Musical. _______________________________________________________________________ Jornalista (FESBH), Teólogo (F.ESABI), Sociólogo e Letras (F.Polis das Artes) e Economista (UNIP). Tem Mestrado em Comunicação Social: Jornalismo e Ciências da Informação (UEMC), Doutorado Prof. em Ciências Sociais (USIP) e atualmente cursa Direito (UNIESP-BH). Apaixonado por música, colabora com rádios e portais falando sempre sobre álbuns, coberturas de shows e etc. Tem como hobbie comprar CDs e também vinis. "Minha paixão pela música me faz quase um pesquisador. Um amor que vem da adolescência" (Felipe de Jesus). _______________________________________________________________________ [ Siga o Instagram: @felipe_jesusjornalista ]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *