Culturaliza Gratuito ou a baixo custo Livros

Sempre Um Papo com Leonardo Boff

O teólogo Leonardo Boff participa nesta quinta-feira,12 de julho de um debate promovido pelo Sempre Um Papo, sobre o livro “Brasil – Concluir a Refundação ou Prolongar a Dependência?” (Ed. Vozes).

 

Leonardo Boff (1938) foi por mais de 20 anos professor de Teologia Sistemática no Instituto Franciscano de Petrópolis e posteriormente professor de Ética, Filosofia da Religião e de Ecologia Filosófica na Universidade Estadual do Rio de Janeiro. Além de coordenar as publicações da Editora Vozes, especialmente a obra completa de C.G. Jung. É membro da Iniciativa Internacional da Carta da Terra, da qual é um dos co-redatores. Entre outros feitos.

 

Nesta obra “Brasil – Concluir a Refundação ou Prolongar a Dependência? Leonardo Boff levanta os principais nós górdios que travam a construção de uma democracia sólida e de cunho social, visando incluir os milhões que vieram da grande tribulação seja do tempo da Colônia, seja dos 300 anos de escravidão e que ainda padecem nas grandes periferias de nossas cidades. Coloca-se a questão: como impedir o prolongamento de nossa dependência histórica e reforçar a refundação de uma nação autônoma e soberana que pode contribuir para o devenir da nova fase da humanidade, a planetária. Em função disso valoriza a nossa riqueza ecológica, a cultura original brasileira e o povo ainda em fazimento, criativo, alegre, hospitaleiro e aberto às dimensões do mundo.

 

Trazendo uma bela discussão sobre os momentos de crise político-social que estamos vivendo, nos oferecendo uma oporunidade de repensarmos o país.

 

Abaixo informações sobre o evento:

Sempre Um Papo com Leonardo Boff

Quando: 12 de Julho

Hora: 19h30

Quanto: Entrada Gratuita

Onde: Auditório da Cemig – Rua Alvarenga Peixoto, 1200, Santo Agostinho

Informações: (31) 3261-1501/ www.sempreumpapo.com.br

 

Deixe o seu comentário

Joseane Santos
Joseane Santos
Canceriana do coração apaixonado, amante da boa música, atleticana no corpo e na alma, mineirinha do interior que encontrou na capital seu lugar no mundo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *