Colunas Infantil Literaliza BH Literatura Livros

A droga da obediência – Pedro Bandeira

 

É uma honra indicar um dos maiores escritores da literatura brasileira. Premiadíssimo, Pedro Bandeira já publicou mais de 50 obras voltadas para o público infanto-juvenil, nas quais se destacam: “A marca de uma lágrima” (amooooo), “A hora da verdade”, “Descanse em paz, meu amor”, “Prova de Fogo”, a série “Os Karas”, entre outras.  A escrita de Pedro Bandeira se enquadra perfeitamente nos propósitos desta coluna: literatura nacional de qualidade, com personagens comuns, cenários reais em uma história descomplicada, super fácil de ler e assimilar. Pedro Bandeira é paulista, já se aventurou por áreas como teatro, jornalismo e publicidade, e desde 1983 se dedica a literatura. Ele é o responsável por nos proporcionar um alívio nas leituras obrigatórias das aulas de literatura, com livros agradáveis e empolgantes, que marcaram e inspiraram várias gerações. “A droga da obediência”, lançado em 1984, é o primeiro livro da série “Os Karas”, nossa dica de hoje.

 

 

“A droga da obediência” traz a primeira de muitas aventuras vividas pelos Karas. Um grupo díspar formado pelos amigos, Calú, Magrí, Miguel e Crânio. Envoltos em uma onda de mistério e ação, os Karas, são assombrados por um crime que está abalando a cidade de São Paulo, o sumiço de estudantes. Vinte e sete estudantes desapareceram sem deixar rastros, e a última vítima foi exatamente no colégio que eles estudam. Os Karas mergulham de cabeça na investigação, depois que o mais novo integrante do grupo, o Chumbinho, é sequestrado. Cada “Kara” vai usar suas habilidades para ajudar a desvendar esse crime e salvar os estudantes. Mas eles se envolvem com uma organização criminosa que desenvolve a droga da obediência, uma substância capaz de transformar o ser humano em robôs obedientes, sem vontades, desejos e criatividade. E de repente o futuro da humanidade está nas mãos dos 5 estudantes.

É um livro de suspense, com uma história simples, divertida e cheia de reviravoltas. A leitura é ágil e a linguagem é direta para o jovem de qualquer época.  Pedro Bandeira te coloca dentro do livro e junto com os Karas você vai unindo as pistas para desvendar o mistério, descobrir quem é o vilão, ao mesmo tempo em que questiona a luta pelo poder e a obsessão para dominar a mente dos jovens.  O que dizer desse escritor maravilhoso que consegue transitar entre várias gerações encantando e deixando marcas de uma literatura nacional de qualidade, capaz de despertar e manter o gosto pela leitura. Eu adoro esse escritor e vocês? Diz aí, qual livro do Pedro Bandeira marcou sua adolescência?

Esta coluna é publicada aqui, todas as segundas!

Envie seu e-mail para a colunista: elisrouse@culturalizabh.com.br

Deixe o seu comentário

Elis Rouse
Elis Rouse
Sou Elis, não sou Regina; sou do interior e amo a capital; sou jornalista, mas não trabalho em jornal; amo ler, sonho escrever; dicas vou dar, dicas quero receber; experiências vamos trocar; literatura brasileira vamos amar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *