Destaque Entrevistas Teatro

Cacá Carvalho dá início hoje à temporada em BH de “2 x 2 = 5 O Homem do Subsolo”

A partir de hoje, o Galpão Cine Horto recebe a peça reflexiva 2 x 2 = 5 O Homem do Subsolo, protagonizada por Cacá Carvalho. O espetáculo teve duas temporadas de sucesso na Itália, Rio de Janeiro e em São Paulo. Após a capital mineira, será a vez de Vitória e Salvador ter a experiência. 

 

Inspirado no romance “Memórias do Subsolo”, de 1864, do escritor russo Fiódor Dostoiévski, a peça mostra um homem que abandona o convívio social para enfrentar sua própria consciência. Durante os minutos de espetáculo, o personagem confronta o público e o força a pensar. Doente do fígado, ele apresenta questionamentos de aparência, roupas, cortes de cabelo e ainda traz uma reflexão sobre o que realmente é preciso para se viver em pez e ser verdadeiramente feliz. Você consegue responder essa pergunta? Com tanta coisa sendo feita ao mesmo, às vezes nos esquecemos do verdadeiro sentido da vida, não é mesmo? Cacá Carvalho afirma ser impossível fugir dessa agitação toda.

 

“Como é que faz para não viver a maluquice do dia a dia? É difícil. É difícil estar dentro e estar fora das situações onde nós somos tragados, levados, mas esse é o exercício mais difícil. Ver como agir e não se deixar tragar pela correnteza maluca dos ‘acontecimentos’. Acontecimentos que nós mesmos ampliamos, nós mesmos criamos, sabe? No final das contas, nós produzimos a nossa própria forca. E se nós temos consciência disso, a primeira coisa que nós precisamos fazer é criar um tipo de corda que não ganhe esse formato da forca que nos acaba. E levarmos os olhos abertos a beleza de todo dia. Porque é lindo! Vida é linda.”

 

Ao ser perguntado qual o sentido de 2 x 2 = 5, Cacá afirma que é basicamente um grito pela salvação de todos nós, “um grito dos que estão embaixo, falando com aqueles que vivem na superfície da vida, aqueles que estão dentro, falando com aqueles que vivem a vida lá fora ao bel prazer de viver, como se viver fosse algo inconsequente.”

 

Com a reflexão proposta pelo espetáculo, o público geralmente pode se identificar, já que muitos vivem na vida superficial citada por Cacá. A troca de experiência, as mensagens finais, os conselhos… Qual será a reação do pessoal ao sair do teatro? 

 

“A reação do público ao assistir o espetáculo é muito pessoal! Normalmente nasce um silencio ou um choro, sabe? – Risos – Porque identifica-se com aquela ironia, com aquela consciência de mundo que aquele homem expõe.”

 

Assim como as trocas de cada público, cada temporada é um experiência, e após viver experiências totalmente diferentes na Itália, em São Paulo e no Rio de Janeiro, a expectativa de Cacá para Belo Horizonte é das melhores. “A minha expectativa com relação a BH, evidente que é total. Porque o lugar, a história, as pessoas antigas que estão dentro de mim e eu dentro delas, as novas que encontrarei, sabe?”

 

Pode ter certeza que a expectativa de BH quanto à peça é a das melhores também, Cacá! Pode ter certeza!

 

2 x 2 = 5   O Homem do Subsolo

 

Quando: 23 de março, às 20h; 24 de março, às 21h | 25 de março, às 18h30 e 21h | 26 de março, às 19h.

Onde: Galpão Cine Horto (R. Pitangui, 3613 – Horto, Belo Horizonte – MG).

Quanto: R$ 20,00 (inteira)/R$ 10,00 (meia entrada).

Ingressos: na bilheteria do teatro e no Sympla.

 

 

Deixe o seu comentário

Charles Douglas
Charles Douglas
Virginiano, metropolitano de Ibirité, mas com a vida construída em BH, jornalista recém formado e apaixonado pelos rolês culturais da capital mineira. Está perdido no mundo da internet desde quando as comunidades do Orkut eram o Culturaliza de hoje. Quando não está com a catuaba nas mãos, pelas ruas de Belo Horizonte, está assistindo SBT ou desenhos no Netflix.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *