Literatura Poesia

Poetiza BH: Rios no Inverno

Talvez a primavera
Mesmo que sombras
Coloridas
Hão de dançar
Sortidas
Feito suas primas
Entanto
Brotem líquidos
Que escorram
Umedecidas
Loucas ao sol
Derrubarão as torres
Não caladas
Aladas
Lhes tirarão o sono
Também haverá dias de silêncio
Ausências e risos com choro
Mas que escorram
Para que resistam
Que tornam únicas
Sem túnicas
Nuas
Rios a quebrar barrancos
E assim
Enquanto cachoeiras
Amem
Quando queiras
Posto que árvores
Sedentas,
Sugam
Acolhem
Mas que haja gozo:
Haja gozo!

Poema e fotografia: Bernardo Nogueira

Deixe o seu comentário

Bernardo Nogueira
Bernardo Nogueira
Professor da Escola de Direito do Centro Universitário Newton Paiva, mestre em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, doutorando em Direito pela PUC/MG, autor dentre outros dos livros: "Cinema com Filosofia", "FOTOcontinuo", "Avôrio", "Direito e Literatura". Talvez poeta...

One thought on “Poetiza BH: Rios no Inverno

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *