Crônicas Culturaliza Literatura

Crônica: Entre rabiscos

Entre rabiscos de um muro da cidade, Eriberto e Dinorá encontraram um achado.

 

– Olha, meu bem! O mapa do Brasil!, exclama Dinorá.

 

Os dois pararam e, por um tempo, olharam o contorno desenhado no muro, revestido com pedra São Tomé. do casarão, da década de 30 ou 40, localizado na avenida mais movimentada da cidade.

 

Coçando a cabeça, e colocando seus óculos, Eriberto pergunta:

 

– A pessoa que recortou e acomodou as pedras queria fazer uma homenagem? Deixar marcado, para lembrar aos que passam, como nosso país, apesar dos pesares, é resistente e amado?

 

– Não sei! Mas pelo jeito, por mais um bom tempo, ninguém apagará esta imagem. A modernização tomando conta e ainda não conseguiu apagar a história do muro e da casa, conclui Dinorá.

 

Deixe o seu comentário

Laura Barbosa
Laura Barbosa
Sou essa moça, mãe de menina, que se atreve a tirar fotos e brincar com as palavras. Literatura na alma, filmes no coração. Um bom vinho, um bom papo com marido e bons amigos. Tenho meus medos, sou ansiosa! Sou essa moça, esquisita e gente fina!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *